Os jovens irmãos acusados de um dos maiores golpes com a criptomoeda da história

Ameer e Raees Cajee, de 18 e 20 anos respectivamente, começaram a operar em 2019 a plataforma de criptomoedas Africrypt, fundada por ambos na África do Sul.

Link da matéria

[email protected] Duxcripto – CNPJ: 40.703.728/0001-02